Buscar
  • Ferromil

Quais são os tipos de ferragem que existem na serralheria

Garantir a segurança da sua obra ou do seu projeto é um fator determinante para o sucesso de um negócio no ramo da serralheria. Conhecer e saber quais são os principais tipos de ferragem irá garantir que haja menor risco de erros e problemas no seu projeto ou obra.

Separamos alguns exemplos abaixo, de acordo com a necessidade e projeto. Porém, antes de tudo, é fundamental saber que ferragens são um conjunto de barras de ferro que, amarradas em determinados formatos, garantem uma melhor distribuição dos esforços de uma estrutura, por exemplo, como vigas e colunas. Essas barras podem ser utilizadas de forma isolada também, sem problemas. A utilização vai variar de acordo com a necessidade, como mencionamos acima.


Cada ferragem possui uma recomendação específica de tamanho, espessura, por exemplo, que varia conforme sua utilidade, para que possa exercer sua função da melhor maneira possível. Confira abaixo alguns exemplos que separamos para você:


Arames recozidos São usados para a montagem das armaduras de concreto armado. São eles que fixam os vergalhões e estribos na posição adequada. Os arames recozidos são altamente maleáveis. Podem ser utilizados com mais facilidade para amarrar as ferragens.


Cordoalhas e fios São feitos especificamente para o concreto protendido (técnica baseada na aplicação controlada de forças, destinada a aumentar a resistência de estruturas), que é uma versão superior do concreto armado, justamente por utilizar armaduras de aço com ferragens ativas. Há três tipos de cordoalhas:

  • Cordoalhas engraxadas e plastificadas - não aderem o concreto;

  • Fios de protensão - são utilizados em lajes alveolares;

  • Cordoalhas aderentes - são utilizados em estruturas de maior porte, como pontes.

Estribos Esses são colocados ao longo de uma armadura de aço para ajudá-la a suportar os esforços da estrutura. Nas colunas, os estribos garantem que não ocorra a curvatura da coluna. É fundamental que eles sejam utilizados de forma adequada, sempre sendo dispostos em distâncias pré-definidas e exatas. Isso garante que a obra não sofra nenhum tipo de problema estrutural devido aos esforços colocados sobre a ferragem.

Vergalhões São barras de aço que, em conjunto com o concreto, formam o que chamamos de concreto armado. Eles são utilizados em vigas, pilares, vigotas, estruturas para sapatas, entre outros. Fique atento ao tamanho e espessura do vergalhão na hora de escolhê-lo porque são esses detalhes que irão determinar a sua resistência.


Telas nervuradas As telas são muito utilizadas na construção civil, tanto na armação de lajes, construção de pisos de concreto armado, paredes de concreto, piscinas, tanques entre outros. Elas são uma espécie de malha retangular, que realmente parece uma tela, já que os fios de aço são conectados por solda, criando pequenos espaços vazios ao longo da ferragem.


Treliças nervuradas São um dos tipos de ferragem mais comuns. Elas são estruturas compostas por um fio de ferro longitudinal superior e dois fios inferiores na mesma direção. Eles são separados por uma determinada distância e conectados por estribos em forma de sinusóide (tipo de curva).

Uma treliça possui sua estrutura soldada para garantir a sua resistência. Ela proporciona uma agilidade maior para a obra devido ao fato de já estar pré-moldada.


Vigas São um dos principais tipos de ferragem. Elas se localizam dentro do concreto armado e são utilizadas para a sustentação estrutura que foi construída. A viga é montada com barras horizontais e estribos, que recebem o peso da laje e o distribui para o resto da estrutura.


Na Ferromil há uma equipe especializada para te ajudar a escolher as melhores ferragens, de acordo com o seu projeto ou obra. Entre em contato pelo nosso telefone ou envie uma solicitação de orçamento para que possamos entrar em contato com você.


A Ferromil é conhecida e reconhecida como a Casa do Serralheiro há quase 30 anos! Faça uma visita em uma das lojas.


Deixe aqui embaixo o seu comentário ou dúvida para nos ajudar a escolher os melhores conteúdos para você.

0 visualização0 comentário